Recuperação do pecado e do vício - Etapa 2 - Fé e esperança

2. Devemos acreditar que um Poder maior do que nós: o amor sacrificial de Jesus Cristo pode nos restaurar a sanidade.

Posso acreditar?

Bem, se você não completou primeiro passo, você se tornou totalmente honesto consigo mesmo e com Deus sobre o seu vício, então não! Você não será capaz de acreditar. Porque para receber a verdadeira fé, você deve renunciar e permanecer firme contra a desonestidade.

“Mas renunciaram às coisas ocultas da desonestidade, não andando com astúcia, nem manipulando a palavra de Deus enganosamente; mas, pela manifestação da verdade, nos recomendamos à consciência de cada homem diante de Deus ”. ~ 2 Coríntios 4: 2

Nunca use a Palavra de Deus dessa maneira para encobrir seu vício. Porque se você pratica a desonestidade em relação ao seu vício, você é especialmente um candidato ao engano. Não importa quem você é: um viciado em drogas ou álcool, ou mesmo uma pessoa que afirma ser um ministro que ainda é viciado em pecado de alguma forma. Se você tentar usar a palavra de Deus de forma a encobrir seu vício, Deus acabará por entregá-lo ao engano completamente!

“E com todo o engano da injustiça para os que perecem; porque não receberam o amor da verdade para serem salvos. E por isso Deus lhes enviará forte engano, para que acreditem na mentira: Para que sejam condenados todos os que não creram na verdade, mas tiveram prazer na injustiça ”. ~ 2 Tessalonicenses 2: 10-12

Ficamos viciados em primeiro lugar porque buscamos prazeres pecaminosos para encobrir a dor e vazio por dentro. Portanto, para receber a verdade da Palavra de Deus, teremos que parar de tentar encobrir e nos afastar totalmente de nossos vícios pecaminosos. É assim que mostramos a Deus que estamos sendo honestos conosco e com ele.

Procure um verdadeiro ministro para nos ajudar

Portanto, se tivermos concluído corretamente o primeiro passo e formos completamente honestos, também buscaremos o conselho e a ajuda de um ministério que é completamente honesto. Um ministério que será fiel em como eles manejam a Palavra de Deus. Esse tipo de ministério totalmente honesto é um tesouro raro de se encontrar. Mas esse tipo de ministério é o único que devemos buscar, se quisermos obter ajuda para superar o vício.

Se você já é um adicto há algum tempo, já está familiarizado com o fato de ser liderado por pessoas e espíritos mentirosos e enganadores. Isso vai ter que mudar. E você terá que se familiarizar com pessoas fiéis, que lhe dirão a verdade, não importa se você queira ouvi-la ou não.

“E rogamos-vos, irmãos, que reconheçais os que trabalham entre vós, presidem sobre vós no Senhor e vos admoestam” ~ 1 Tessalonicenses 5:12

O que ele quis dizer quando disse "conheço-os?" Reserve um tempo para ficar perto deles e saber como estão vivendo. Não apenas o que estão pregando.

“Vós mesmos sabeis como nos deve seguir, porque não nos comportamos desordenadamente entre vós” ~ 2 Tessalonicenses 3: 7

Ao buscar ajuda para superar o pecado ou qualquer comportamento viciante, devemos nos tornar vulneráveis à medida que abrimos nossos corações para revelar profundas mágoas dentro de nós. E porque há pessoas que procuram pessoas vulneráveis, para se aproveitar delas: ainda mais, devemos dedicar um tempo para saber quem são as pessoas, antes de nos abrirmos a elas.

Eles puderam saber quem era o apóstolo Paulo, observando seu comportamento. Esse foi o fruto de sua vida diária. Fruto ruim na vida de um ministro é a maneira de Deus mostrar a você em quem você não deve confiar.

“Cuidado com os falsos profetas, que vêm a vocês vestidos de ovelhas, mas por dentro são lobos vorazes. Sabereis pelos seus frutos. Os homens colhem uvas de espinhos ou figos de cardos? Mesmo assim, toda árvore boa produz bons frutos; mas uma árvore corrupta dá frutos ruins. ” ~ Mateus 7: 15-17

Um verdadeiro ministro de Deus abandonou o pecado. E ele provou sua fidelidade por vários anos.

Aumentando sua fé

Portanto, se abraçamos totalmente a honestidade, também descobriremos que cada um de nós recebe uma medida de fé de Deus. E que na verdade já o estamos exercitando de alguma forma todos os dias.

Acreditamos que, quando estamos dirigindo ou em um veículo, os outros carros que passam ficarão do seu lado da estrada. Quando compramos comida no mercado, acreditamos que não foi envenenada. Podemos dormir à noite porque acreditamos que encontramos um lugar seguro para dormir, onde ninguém nos matará. Portanto, já devemos ter fé para fazer muitas coisas que fazem parte da vida.

Portanto, há uma medida de fé que Deus deu a cada pessoa. E então Deus espera que comecemos a direcionar essa fé para ele. Para nos exercitarmos ainda mais na fé em Deus, para que ela se fortaleça.

“Pois eu digo, pela graça que me foi dada, a todo homem que está entre vós que não tenha de si mesmo mais alta consideração do que deveria; mas pensar sobriamente, conforme Deus distribuiu a cada homem a medida da fé ”. ~ Romanos 12: 3

Que medida de fé sentimos que temos agora? Parece muito pequeno neste momento? Na verdade, pouca fé não é nosso problema. É o que permitimos que atrapalhe nossa fé, que se torna um problema.

Quando começamos a estabelecer alguma fé em Deus, a princípio pode parecer que começa muito pequeno. Mas se limparmos o terreno de nosso coração das coisas que impedem a fé de crescer: pouca fé, como um pequeno grão de mostarda, pode se transformar em grande fé!

“Outra parábola propôs-lhes, dizendo: O reino dos céus é semelhante a um grão de mostarda, que um homem tomou e semeou no seu campo: o qual, na verdade, é o menor de todos os grãos; mas quando cresce, é a maior entre as ervas, e se torna uma árvore, de modo que as aves do céu vêm e se alojam em seus galhos ”. ~ Mateus 13: 31-32

Removendo obstáculos à nossa fé em Deus

Então, vamos falar sobre nossa pequena fé. O que pode estar impedindo-o de crescer?

  1. Uma falsa crença sobre nós mesmos e sobre quem realmente somos.
  2. Uma mentira que outra pessoa nos contou, que acreditamos sobre nós mesmos.
  3. Um sistema de crença religiosa falsa do qual alguém nos convenceu.
  4. Uma maneira como fomos criados e ensinados, que definiu uma visão particular imprecisa para nossa vida e nosso futuro.
  5. Algo que nos aconteceu, ou que outra pessoa fez conosco, que nos faz ver a nós mesmos de uma determinada maneira.
  6. Um medo que temos.
  7. Uma expectativa incorreta que temos sobre os outros. (E por isso os culpamos.)
  8. Uma falha trágica no caráter de outra pessoa que admiramos ou confiamos. E eles nos traíram!
  9. A enxurrada constante de negatividade que mata a fé que é promovida na mídia e na cultura popular.

Mostarda: embora seja a menor das sementes que alguém pode plantar; no entanto, se tiver muito sol, bom solo e umidade, rapidamente crescerá bastante (como sugere a parábola de Jesus). Mas essa lista de entraves de que já falamos acima, pode atrapalhar por:

  • Bloqueando a luz do sol de Deus para brilhar em sua fé, produzindo uma nuvem sobre sua vida.
  • Encher o solo do seu coração / solo com pedras e elementos cáusticos, que impedem a fé de criar raízes no fundo do seu coração.
  • Secando seu coração como um deserto onde não há água

Se uma dessas falsas crenças (ou outra coisa) está atrapalhando a fé, como a removemos? (Na verdade, muito desse esforço de 12 etapas é projetado para nos ajudar a remover os obstáculos da fé e para nos ajudar a "aumentar nossa fé".)

Exercite Fé para Aumentá-la

Agrada a Deus exercermos fé nele. Colocamos fé em muitas outras coisas, por isso ele quer que também tenhamos fé nele.

“Mas sem fé é impossível agradá-lo; porque aquele que se aproxima de Deus deve crer que ele existe e que é galardoador dos que o buscam diligentemente.” ~ Hebreus 11: 6

Só podemos receber do Senhor, de acordo com o que nossa fé permite:

“E, tendo ele entrado em casa, os cegos aproximaram-se dele; e Jesus disse-lhes: Credes que eu posso fazer isto? Disseram-lhe: Sim, Senhor. Em seguida, tocou-lhes os olhos, dizendo: Seja-vos feito segundo a vossa fé. ” ~ Mateus 9: 28-29

Exercer fé em Deus agrada a Deus, porque Lhe dá glória. Portanto, Ele tem o prazer de nos ajudar:

“Ele não duvidou da promessa de Deus por causa da incredulidade; mas era forte na fé, dando glória a Deus; E estando totalmente persuadido de que o que ele havia prometido, ele também era capaz de cumprir. E, portanto, foi imputado a ele como justiça. ” ~ Romanos 4: 20-22

A fé funciona por amor

É pela fé que podemos compreender até a profundidade do seu amor por nós. E quando pela fé permitimos que esse amor opere, Deus pode fazer muito mais do que somos capazes de pensar ou pedir.

“Para que Cristo habite em vossos corações pela fé; que vós, estando enraizados e alicerçados no amor, possais compreender com todos os santos qual é a largura, o comprimento, a profundidade e a altura; E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o conhecimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus. Ora, àquele que é capaz de fazer muito mais abundantemente acima de tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o poder que opera em nós ”, ~ Efésios 3: 17-20

Seu amor por nós não é de acordo com alguma justiça em nós mesmos. Seu amor é apesar de nós mesmos.

“Pois quando ainda estávamos sem forças, no tempo devido Cristo morreu pelos ímpios. Pois dificilmente alguém morrerá por um justo; no entanto, talvez por um homem bom alguns ousem morrer. Mas Deus elogia seu amor por nós, pois, enquanto ainda éramos pecadores, Cristo morreu por nós. ” ~ Romanos 5: 6-8

Deus certamente nos ama, porque deu seu próprio Filho para nos salvar. Seremos honestos conosco mesmos e com Deus, para deixá-lo fazer por nós o que pagou tão caro para fazer?

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Pois Deus não enviou seu Filho ao mundo para condenar o mundo; mas para que o mundo por meio dele seja salvo. Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porque não creu no nome do unigênito Filho de Deus. E esta é a condenação, que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque suas obras foram más. Pois todo aquele que pratica o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que suas obras não sejam reprovadas. Mas aquele que pratica a verdade vem à luz, para que suas obras se manifestem, para que sejam realizadas em Deus ”. ~ João 3: 16-21

É por isso que devemos abandonar o pecado para que a fé cresça. Devemos começar a caminhar em direção à luz. E isso é impossível de fazer se estivermos caminhando para as trevas do pecado.

Corações endurecidos devem ser quebrados e tornados sensíveis

Que tipo de base é a nossa fé? Temos um ouvido espiritual para ouvir e compreender? Temos fé para que a semente da Palavra crie raízes em nossos corações?

“Ouvi, pois, a parábola do semeador. Quando alguém ouve a palavra do reino e não a compreende, então vem o maligno e arrebata o que foi semeado em seu coração. Este é o que foi semeado à beira do caminho. ” ~ Mateus 13: 18-19

Alguém será capaz de vir com outro “barato” viciante carnal para oferecer a você, e então roubar qualquer fé que você ainda tenha? Se nossos corações estão endurecidos contra a fé em Deus, então será fácil que qualquer pouca fé que tenhamos seja roubada. Porque a fé não pode criar raízes profundas em um coração endurecido.

Se nos sentirmos quebrantados e magoados e tivermos pouca fé ou esperança? Deus não te despreza por isso. É exatamente com isso que Deus pode trabalhar. Ele procura um coração quebrantado e contrito para poder semear a fé da sua palavra. Lembre-se da semente de mostarda?

“Tem misericórdia de mim…… Pois eu reconheço as minhas transgressões: e o meu pecado está sempre diante de mim.” ~ Salmo 51: 1-3

Um coração sinceramente quebrantado e contrito é exatamente o que Deus está procurando. Esse é o tipo de coração com o qual Deus pode trabalhar. Observe nesta próxima passagem que a fome e o desejo da fé são para ser capaz de restaurar o relacionamento com Deus e com seu Espírito Santo. Porque o Espírito Santo é o consolador. E o coração quebrantado e contrito anseia especialmente por esse conforto.

“Cria em mim um coração puro, ó Deus; e renovar um espírito reto dentro de mim. Não me lances fora da tua presença; e não retires de mim o teu espírito santo. Restaura para mim a alegria da tua salvação; e sustenta-me com teu espírito livre. Então ensinarei aos transgressores os teus caminhos; e pecadores serão convertidos a ti. Livra-me da culpa de sangue, ó Deus, Deus da minha salvação; e a minha língua cantará em voz alta a tua justiça. Ó Senhor, abre meus lábios; e minha boca anunciará teu louvor. Pois você não deseja sacrificar; de outra forma eu o daria: você não se deleita em holocaustos. Os sacrifícios de Deus são um espírito quebrantado: um coração quebrantado e contrito, ó Deus, tu não desprezarás. ” ~ Salmo 51: 10-17

A humanidade pode desprezar nosso quebrantamento. Mas Deus ama e cuida do coração quebrantado e contrito. É por isso que, quando estamos nesse tipo de condição, ele fala especialmente conosco para nos mostrar como nos ama.

E mesmo que não tenhamos fé suficiente, Jesus Cristo veio para preencher a lacuna de nossa fé, para que ainda possamos ter nossas necessidades atendidas!

“E trouxeram-no a ele; e quando o viu, imediatamente o espírito o atormentou; e ele caiu no chão, espumando. E ele perguntou a seu pai: Há quanto tempo isso veio a ele? E ele disse: De uma criança. E muitas vezes o tem lançado no fogo, e na água, para o destruir; mas se podes fazer alguma coisa, tem compaixão de nós e ajuda-nos. Jesus disse-lhe: Se você pode acreditar, todas as coisas são possíveis para aquele que crê. E imediatamente o pai da criança clamou e disse com lágrimas: Senhor, eu creio; ajuda a minha incredulidade. ” ~ Marcos 9: 20-24

Se o clamor do nosso coração é por mais fé, Deus terá misericórdia e nos ajudará!

Não há nada de que Cristo não possa nos livrar completamente! Porque é assim que ele trabalha. Ele faz um trabalho completo. O cristianismo nominal afirma que Cristo só pode fazer uma obra incompleta. Eles dirão que é impossível ser completamente libertado do pecado. Mas Jesus Cristo fará uma obra completa em nós, se acreditarmos nele pelo exercício da fé.

“Portanto ele também pode salvar perfeitamente os que por ele se chegam a Deus, visto que vive para sempre para interceder por eles.” ~ Hebreus 7:25

pt_BRPortuguês do Brasil
TrueBibleDoctrine.org

GRATUITAMENTE
VISUALIZAR