Recuperação do pecado e do vício - Etapa 7 - Humildade e oração

7. Humildemente pediu a Ele que nos perdoasse e removesse nossas deficiências

Portanto, agora concluímos a Etapa 6, onde fizemos uma lista completa de todos os comportamentos que desejamos remover de nossas vidas. E à medida que desenvolvíamos essa lista, também trabalhamos duro para identificar os novos comportamentos pelos quais substituiríamos os antigos.

Mas à medida que trabalhamos nesta lista, a realidade começou a afundar: “Não há como eu fazer isso sozinho!” Nossa vulnerabilidade e nossa falta de esperança em nossas próprias fraquezas; não apenas sabemos, mas sentimos intensamente! E assim Satanás inunda nossa mente com o pensamento “é impossível! Como vou fazer isso? ”

Portanto, é por isso que precisamos criticamente da Etapa 7. Na Etapa 6, não apenas desenvolvemos o plano, também sentimos a impossibilidade do plano por nós mesmos. E assim nos humilhou muito para onde precisamos estar, no Passo 7. Porque precisamos daquele profundo sentimento de humildade, para sermos capazes de alcançar o trono de Deus com nosso pedido de ajuda. E é importante que cheguemos a este lugar humilde, onde Deus nos encontrará!

“E dirá: Aplanai, aplanai, preparai o caminho, tirai os tropeços do caminho do meu povo. Pois assim diz o Altíssimo e Elevado que habita a eternidade, cujo nome é Santo; Eu habito no lugar elevado e santo, também com aquele que é de espírito contrito e humilde, para reavivar o espírito dos humildes e para reavivar o coração dos contritos ”. ~ Isaías 57: 14-15

A humildade nos permite mudar

Step 6 helped us identify the stumbling blocks that need to be removed to “prepare the way”. And in the scripture above, we now see that God will meet with us on this humble place, and help us. Sim, neste lugar humilde onde sabemos que não podemos fazer isso sozinhos: lá ele vai nos reviver!

“Mas ele dá mais graça. Portanto ele diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Portanto, submetam-se a Deus. Resista ao diabo e ele fugirá de você. ” ~ Tiago 4: 6-7

Nós nos humilhamos pedindo sua misericórdia e perdão pelas coisas que fizemos. Pois é esse perdão aplicado aos nossos corações que nos faz ter a graça de prosseguir com sucesso.

“Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a remissão dos pecados, segundo as riquezas da sua graça” ~ Efésios 1: 7

Our sins are so great that it is impossible for us to overcome them. Therefore only through the love of a Savior, one that was willing to die as a sacrifice for us, is it possible for us to be delivered from the power of sin.

“Mas não como a ofensa, também o é o dom gratuito. Porque, se muitos morreram pela ofensa de um, muito mais a graça de Deus, e o dom pela graça, que é de um só homem, Jesus Cristo, abundou para muitos. ” ~ Romanos 5:15

Perdão por tudo, para que tudo possa ser mudado

Now in seeking for this merciful grace, we don’t ask for selective forgiveness, for only the certain sins that have caused the most trouble for us. Jesus died for all our sins, so that we can be delivered from them all.

He did not die so that we can hold on to certain sins that seem more socially acceptable to mankind. He died to restore first our relationship with the heavenly Father, by removing sin from our lives. Most of mankind is also separated from the heavenly Father, because of their own sins. So clearly understand, our objective is not to be reconciled to a pool of sinful relationships amongst mankind. The purpose is to remove all addictions completely, including mankind’s addiction to sin! Because personal integrity with God, will enable us to have true integrity in our relationships with the rest of mankind.

Por causa da integridade geral diluída do Cristianismo moderno nominal, a maioria das pessoas pensa que um relacionamento com Deus é um propósito indiferente e egoísta. Qualquer coisa chamada de cristão que vive com integridade e fidelidade pura, muitas vezes é considerada fanática. E assim, por causa da integridade indiferente de outras pessoas, nossa lista na Etapa 4 inclui muitas lembranças dolorosas do que pessoas indiferentes fizeram por nós. E, além disso, devido ao nosso vício, temos sido indiferentes. E, por meio de nossa indiferença, também ferimos outras pessoas.

Então, por que deveríamos pensar que um relacionamento indiferente com Deus vai produzir o que precisamos mudar? Por que Deus interviria para nos ajudar, apenas para que o tratássemos da mesma forma que já tratamos os outros? Não! É hora de mudar completamente. É hora de buscar a Deus de todo o coração!

“Pois eu conheço os pensamentos que tenho para convosco, diz o Senhor, pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar um fim esperado. Então me invocareis e ireis e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E me buscareis e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração. ” ~ Jeremias 29: 11-13

Perdão pelos outros

Além disso, é importante que entendamos que devemos estar dispostos a perdoar os outros: se esperamos que Deus nos perdoe.

Na Etapa 4, criamos uma lista muito sensível. Essa lista, sem dúvida, incluía coisas dolorosas que outros haviam feito para nós. Mas uma parte crítica de nossa capacidade de sermos curados dos comportamentos que se desenvolveram em nossas vidas é que devemos estar dispostos a perdoar de coração aqueles que nos prejudicaram e nos traíram. Se não estivermos dispostos a perdoar, não seremos capazes de receber a cura completa.

Você se lembra dessa escritura que examinamos na Etapa 6?

“Que toda amargura, e cólera, e raiva, e clamor e calúnia, sejam afastados de vocês, com toda a malícia: E sejam bons uns para com os outros, de coração compassivo, perdoando-se uns aos outros, assim como Deus por amor de Cristo perdoou vocês." ~ Efésios 4: 31-32

Esta escritura nos ensina como deixar de lado velhos comportamentos e substituí-los por novos. E observe que uma parte crítica de nosso novo comportamento é "perdoar uns aos outros, assim como Deus, por amor de Cristo, os perdoou".

É impossível ser totalmente curado e perdoado, se não estivermos dispostos a nos deixar ir e perdoar! Jesus nos ensinou muito claramente que é assim.

“Então Pedro aproximou-se dele e disse: Senhor, quantas vezes meu irmão pecará contra mim, e eu o perdôo? até sete vezes? Disse-lhe Jesus: Não te digo que até sete vezes, mas até setenta vezes sete. ” ~ Mateus 18: 21-22

Ele então começou a contar uma parábola sobre alguém que não estava disposto a perdoar o outro. E por causa disso, ele foi severamente punido por isso. E Jesus completou esta parábola sobre este servo implacável desta forma:

“Então seu senhor, depois de tê-lo chamado, disse-lhe: Ó servo iníquo, perdoei-te toda aquela dívida, porque me desejaste; não devias tu também ter compaixão de teu companheiro, assim como tive pena de te? E indignou-se o seu senhor, e entregou-o aos algozes, até que pagasse tudo o que lhe era devido. Assim também meu Pai celestial vos fará, se de coração não perdoardes, cada um a seu irmão, as suas ofensas. ” ~ Mateus 18: 32-35

So it is clear that if we are not willing to forgive what others have done to us, that we will continue to be tormented in our own mind and heart, as the scripture states above: “…and delivered him to the tormentors…”

Abandonando a vida “All About Me”

No meu passado, minha vida era basicamente "tudo sobre mim". Conseqüentemente, muitos de meus relacionamentos foram afetados de alguma forma, pois busquei o que queria e considerei a defesa de mim mesma mais importante do que o que os outros precisavam.

Então, que tal agora? Estou completamente disposto a viver de uma nova maneira? Um jeito que não é só sobre mim?

Eu sei que vou precisar de ajuda, portanto, estou pronto para pedir e buscar a Deus por toda a ajuda de que preciso, e de quem ele escolher para me ajudar, e por meio de quaisquer coisas que ele queira que eu passe para obter a ajuda que eu precisar. Eu propus em meu coração, e estou pronto e desejoso para uma mudança completa!

A pessoa idosa que eu era, precisa morrer. Eu preciso me tornar uma nova criatura em Cristo Jesus por meio de seu perdão e libertação!

“Portanto, se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas já passaram; eis que todas as coisas se tornaram novas ”. ~ 2 Coríntios 5:17

Portanto, sejamos como o publicano que expôs seus pecados ao Senhor e implorou por misericórdia e ajuda.

“E o publicano, estando de longe, não quis levantar nem mesmo os olhos ao céu, mas bateu no peito, dizendo: Deus tenha misericórdia de mim, pecador. Digo-vos que este desceu justificado para sua casa, e não aquele; porque todo o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e aquele que se humilha será exaltado. ” ~ Lucas 18: 13-14

Deixe um comentário

pt_BRPortuguês do Brasil